A POSTA NA FOTOGRAFIA (5)

As águas calmas junto à costa tranquilizaram-no ao ponto de se permitir boiar. Quase não dava aos pés, confiante na corrente mansa que o arrastava para terra. Embalado pela ondulação ligeira, olhou para o céu e sentiu-se um semideus.

Tostava ao sol, embrenhado em cogitações e fantasias, certo da sua vida fácil e despreocupada, quando o tubarão surgiu do nada e sem qualquer tipo de emoção o abocanhou.

surpresa.jpg
publicado por shark às 16:00 | linque da posta | sou todo ouvidos