10,2

Um número assustador que traduz a realidade dramática de cada vez mais portuguesas e portugueses que enfrentam um problema, o desemprego, capaz de destruir pessoas por dentro e famílias por todo o lado.

E do Governo, pela boca do Primeiro-Ministro, chega apenas o optimismo de que as medidas económicas venham a dar os seus frutos em 2010.

 

Cada vez mais, o discurso dos governantes faz lembrar a ladainha permanente dos dirigentes do meu Benfica: pró ano é que é...

publicado por shark às 15:13 | linque da posta | sou todo ouvidos