COMO VAIS MORRER?

Dei com a coisa na barra lateral da minha caixa de Gmail e chamou-me a atenção por mera deformação profissional (trabalho em seguros...).

Então trata-se de um site que nos pergunta em letras garrafais: Queres saber como vais deixar este mundo?

No meu caso concreto presumo que terá que ser de uma de duas maneiras, ou numa nave espacial alienígena ou morto, mas o site em causa vai mais longe e exibe esta pérola do rigor (mortis): Agora o ideal era poderes saber se vais ter uma morte dolorosa ou não.

Maravilha. Para além de alegadamente nos explicarem os contornos da partida ainda nos propõem saber se a coisa implicará algum sofrimento que não a contrariedade óbvia. Eu, como já referi, trabalho em seguros e não consigo explicar a utilidade do meu serviço sem apelar aos receios que a estatística justifica. Mas publicitar um serviço com base na morte dolorosa de alguém bate aos pontos a alegria da argumentação da melhor agência funerária.

 

O site, ainda nas letras que até o maior míope da paróquia consegue ler, adianta ainda com enorme convicção: 

Responde correctamente às perguntas que te vou fazer e em três minutos ficarás a saber como vais morrer...

Notem o pormenor das reticências, um requinte da psicologia aplicada ao marketing em novas tecnologias. E três minutos, senhores, três minutos... (as reticências são um pormenor de requinte desta posta, claro). Nem a mais competente das bruxas, das videntes, conseguia uma resposta mais rápida a tal questão.

Ah, e é nesta fase que a questão se coloca. A questão das letrinhas pequenas (sim, eu trabalho em seguros e por isso essas coisas nunca me escapam) que informam a pessoa interessada nesse tema tão fascinante que a brincadeira pode sair cara. Quatro euros por semana, dezasseis euros por mês pela subscrição do serviço. Mais barato do que qualquer bruxa, mas ainda assim dá para um almoço na boa.

 

E é acima desse lote de letrinhas pequenas que esclarecem o truque da coisa, simples análise de probabilidades estatísticas (a chamada lógica da batata) em função das características de alguém, que reside a mais importante mensagem deste site do além:

ATENÇÃO: ISTO PODERÁ MUDAR A TUA VIDA PARA SEMPRE.

Assim, sem reticências.

 

Pois poderá. Por nunca mais te esqueceres de como és uma arvelinha capaz de alinhar em esquemas assim.

Tags:
publicado por shark às 17:47 | linque da posta | sou todo ouvidos