O TIO SAM ESTÁ BIRUTA

Quando vejo os contornos da campanha eleitoral americana, com os podres dos candidatos escalpelizados à lupa, percebo o quanto aquele fenómeno colectivo ameaça implodir sob o peso das pressões externas, internas e inventadas.

Agora é a gravidez da filha da candidata republicana à vice-presidência. Um escândalo...

 

Eu não percebo porque é feita esta associação entre o perfil de um/a candidato/a e a vida dos seus mais próximos.

O que é que a filha tem a ver com a mãe? O que é que qualquer progenitor pode efectivamente fazer senão educar bem os filhos e esperar que eles sigam a linha?

E o que lhes interessa se o presidente fumava ganzas na juventude ou pratica sexo oral com as suas estagiárias?

 

Faz-me confusão darem prioridade a este tipo de "indícios" para depois acabarem por escolher gajos como o Bush.

Às vezes acho mesmo que estão a ficar todos maluquinhos e isso não é bom quando bem sabemos que são eles quem manda na cena toda...

publicado por shark às 11:54 | linque da posta | sou todo ouvidos