UM PIQUENO ESCLARECIMENTO

A posta anterior, escrita em directo algures na minha passagem de ano, foi uma experiência nova que decidi tentar.
Pela primeira vez escrevi algo em condições que (de todo) não me permitiriam conduzir, só para ver como corria.
Ainda não a li, enquanto escrevo esta, mas fiquei com a sensação de que não correu mal (considerando a vinha de alhos em que o meu cérebro mergulhou).

Ofereço-vos esta explicação por dois motivos: porque faço questão que percebam que não me importo de correr riscos e de assumir as respectivas consequências, mesmo perante uma "audiência" com quem me disponho a partilhar parte do que sou.
E porque me apeteceu.

São duas razões válidas, não concordam?
publicado por shark às 16:56 | linque da posta | sou todo ouvidos