QUINZE MIL EMOÇÕES

São números e valem o que valem. Mas se podem (e devem) discutir-se os critérios que definem a qualidade de um blogue, não há como ignorar os factos que se exprimem na estatística.
Pouco tempo depois de atingir as 150 mil visitas (desde Janeiro de 2006) no contador menos "generoso" e teoricamente mais fiável, este charco viu registado o seu comentário 15 mil em dois anos de existência.

Este número justifica por si só a minha aposta neste trabalho e acresce, na satisfação que isso me provoca, o facto de a autora desse comentário simbólico ser precisamente a comentadeira mais activa do tasco.
A Mar, minha parceira blogueira, assinou na posta abaixo esse "marco" que, naturalmente, agrada a qualquer "escrevinhador" (como ela nos chama).

Queiramos ou não, os números reflectem o interesse que o nosso trabalho suscita e se assim não fosse nenhum blogue teria contadores. E os números deste espaço não são batoteados com scripts, corantes ou conservantes de qualquer espécie. São a realidade do que o Charquinho representa para mais pessoas do que algum dia me atrevi a ambicionar.

E essas, todas elas, e sem que nisso interfiram as simpatias ou animosidades pessoais, são a razão de ser desta treta. São quem justifica o empenho e merece o meu carinho, pela atenção que reservam ao que concebo para lhes oferecer.

A minha gratidão é imensa e tentarei reflecti-la no melhor que conseguir dar de mim para vos justificar o regresso em cada novo dia.
Tags:
publicado por shark às 21:24 | linque da posta | sou todo ouvidos